Boitempo nas eleições_2018

A Boitempo apresenta aqui sua cobertura das eleições de 2018 na forma de uma série de ações que buscam contribuir com a reflexão coletiva durante o período. Além de artigos no Blog da Boitempo, vídeos na TV Boitempo e podcasts com alguns dos principais autores da casa, inauguramos também um serviço gratuito pelo WhatsApp com curadoria da equipe da Boitempo. Ao final, lançamentos e indicações de leitura para refletir sobre a conjuntura política do país.

Artigos pós-eleições

O sujeito oculto: ao vencedor as batatas, por Mauro Iasi

Mais Mano Brown: reflexões pós-eleições (parte 1), por Juliana Borges

9 notas sobre a conjuntura pós-eleitoral brasileira, por Carlos Eduardo Martins

O doloroso abandono do direito pelo capitalismo, por Joelton Nascimento

Aspectos ideológicos do bolsonarismo, por Felipe Garcia Catalani

Bolsonaro e o momento hiperautoritário do neoliberalismo, por Christian Laval

Cultura inútil: Pessoas de bem, por Mouzar Benedito

A psicanálise da adesão ao fascismo, por Theodor Adorno

Detesto quem anda com uma pistola no bolso, por Pier Paolo Pasolini

Vídeos pós-eleições


Artigos pré-eleições

Você não poderá dizer que não sabia, por Rodrigo Nunes

Os livros na corda bamba da democracia brasileira, por José Castilho Marques Neto

Cultura inútil: Otimismo e pessimismo, por Mouzar Benedito

Qual o poder do WhatsApp? Quem são e no que acreditam os eleitores de Bolsonaro, por Isabela Oliveira Kalil

O ovo da serpente e a eleição para Presidente, por Luiz Filgueiras

Mensagem aos democratas do Brasil, por Emicida

Detesto quem anda com uma pistola no bolso, por Pier Paolo Pasolini

Existe ameaça fascista no Brasil?, por Anita Leocadia Prestes

O fascismo e os “homens bons”, por Mauro Iasi

Os trens não vão sair no horário, por Luis Felipe Miguel

Olavo de Carvalho, o “ideólogo de Bolsonaro”, contra o professor Haddad, por Christian Dunker

Da potência do resistir, por Edson Teles

Escalada fascista no Brasil: as tarefas do campo popular e democrático, por Carlos Eduardo Martins

Sobre o otimismo das hienas, por José Augusto Fontoura Costa

#EleNão e #EleSim: uma perspectiva feminista sobre os protestos em São Paulo e sua repercussão, por Isabela Oliveira Kalil

À beira do abismo, por Marcos Barreira

Para entender a reinvenção das direitas no Brasil, por Vladimir Safatle

Até onde vai seu antipetismo?, por Christian Dunker

#EleNão: as mulheres e a resistência à desconstrução da democracia, por Flávia Biroli

Sobre as eleições presidenciais brasileiras, por Atílio A. Boron

Dois caminhos para a ditadura, por Luis Felipe Miguel

Eleições 2018: a armadilha do voto útil e os desafios da esquerda, por Mauro Iasi

O dilema dos 10%, por Christian Dunker

Deixar queimar, deixar morrer, por Christian Dunker

Um país fraturado, por Mauro Iasi

Nós sabemos fazer um país, por Mauro Iasi

A psicologia das massas do fascismo ontem e hoje, por Mauro Iasi

Telecatch eleitoral, JN e Bolsonaro: o fascismo sem peias, por Rosane Borges

Para além da democracia direta, por Luis Felipe Miguel

Eleições: que bicho vai dar?, por Mouzar Benedito

Algumas curiosidades sobre eleições, por Mouzar Benedito

A paz tem que ser conquistada na porrada?, por Mouzar Benedito

Intelectuais da mídia: a força-tarefa do sistema, por Dênis de Moraes

As eleições e as comparações perigosas, por Flávio Aguiar

Ecos de um discurso: investigando porquês de tanto ódio, por Renata de Oliveira CardosoFelipe Brito.

Bolsonaro e os atuais rumos do fascismo, por Ubirajara Caputo

Capitalismo ou democracia, por Wolfgang Streeck

TV Boitempo








Mensagem de Boaventura de Sousa Santos aos eleitores brasileiros. Em vídeo feito especialmente para a TV Boitempo, o sociólogo português analisa os desafios das esquerdas no Brasil diante da conjuntura eleitoral de 2018.

Por que a eleição está tão confusa?

O cientista político Luis Felipe Miguel analisa a conturbada conjuntura eleitoral de 2018 à luz da pergunta: “Por que a eleição está tão confusa?”.

O que ler nas eleições de 2018?




 

O ódio como política: a reinvenção das direitas no Brasil
por Esther Solano (org.)

“Um panorama amplo e diversificado da consolidação das direitas pós-ditadura militar no Brasil. Uma reunião de textos fundamentais para a compreensão da radicalização da política brasileira diante do colapso da Nova República a partir das manifestações de 2013.” – Vladimir Pinheiro Safatle

“Direitas”, “novas direitas”, “onda conservadora”, “fascismo”, “reacionarismo”, “neoconservadorismo” são algumas expressões que tentam conceituar e dar sentido a um fenômeno que é indiscutível protagonista nos cenários nacional e internacional de hoje, após seguidas vitórias dessas forças dentro do processo democrático. Trump, Brexit e a popularidade de Bolsonaro integram as complexas dinâmicas das direitas que a coletânea busca aprofundar a partir de ensaios escritos por grandes pensadores da atualidade. Tendo como foco central o avanço dos movimentos de direita, os textos analisam sob as mais diversas perspectivas o surgimento e a manutenção do regime de ódio dentro do campo político.

Autores: Luis Felipe Miguel • Silvio Almeida • Carapanã • Flávio Henrique Calheiros Casimiro • Camila Rocha • Rosana Pinheiro-Machado • Lucia Mury Scalco • Ferréz Escritor • Edson Teles • Rubens Casara • Pedro Rossi • Esther Dweck • Márcio Moretto Ribeiro • Henrique Vieira • Lucas Bulgarelli • Stephanie Ribeiro • Fernando Penna • Laerte Coutinho • Luiz Gê • Gilberto Maringoni

O ódio como política chega às livrarias durante o período eleitoral, num momento crítico da conjuntura nacional e mundial em que o campo progressista assiste perplexo à reorganização e ao fortalecimento político das direitas. Quem garantir seu exemplar durante o período de pré-venda tem 20% de desconto!

Lula no Anticast

O AntiCast acaba de publicar com exclusividade o áudio nunca ouvido publicamente da entrevista que Lula concedeu a Ivana Jinkings, Gilberto Maringoni, Juca Kfouri e Maria Inês Nassif para a produção do livro A verdade vencerá, lançado em março de 2018 pela Boitempo.

São cerca de 3 horas de material inédito do ex-presidente Lula da Silva, preso em abril de 2018 e que atualmente luta pelo seu direito de participar das eleições presidenciais.

Ouça o episódio no Spotyfy, SoundCloud, no site do programa, em seu aplicativo de podcast ou no player abaixo.

PROMOÇÃO “BOITEMPO NAS ELEIÇÕES 2018”

A Boitempo preparou um combo especial com os livros A verdade vencerá, Resgatar o Brasil, coletânea organizada por Jessé Souza e Rafael Valim, Gênero e desigualdades: os limites da democracia no Brasil, de Flávia Biroli, A difícil democracia, de Boaventura de Sousa Santos e As contradições do lulismo, organizado por André Singer e Isabel Loureiro.

Os 40 primeiros levam o exemplar de A verdade vencerá autografado por Lula, o próprio!

CONFIRA O COMBO!

Além disso, duas lista de leituras sugeridas para as eleições 2018 estão com 20% de desconto no site da editora até 28 de outubro, data do segundo turno: BOITEMPO NAS ELEIÇÕES 2018 PARA FALAR DE POLÍTICA COM CRIANÇAS

Boitempo nas eleições 2018

O ódio como política, organizado por Esther Solano

A verdade vencerá: o povo sabe por que me condenam, de Luiz Inácio Lula da Silva

De que lado você está?, de Guilherme Boulos

Resgatar o Brasil, de Jessé Souza e Rafael Valim (coords.)

Esquerdas do mundo, uni-vos!, de Boaventura de Sousa Santos

A difícil democracia: reinventar as esquerdas, de Boaventura de Sousa Santos

Brasil: uma biografia não-autorizada, de Chico de Oliveira

O ódio à democracia, de Jacques Rancière

As contradições do lulismo, de André Singer e Isabel Loureiro (orgs.)

A nova razão do mundo: ensaio sobre a sociedade neoliberal, de Christian Laval e Pierre Dardot

Por que gritamos Golpe? – Para entender o impeachment e a crise política no Brasil, organizado por Ivana Jinkings Kim Doria e Murilo Cleto

Comum: ensaio sobre a revolução no século XXI, de Christian Laval e Pierre Dardot

A nova segregação: racismo e encarceramento em massa, de Michelle Alexander

Bala perdida: a violência policial no Brasil e os desafios para sua superação, com textos de Maria Rita Kehl, Jean Wyllys, Tales Ab’Sáber, Eduardo Suplicy, Luiz Eduardo Soares, Movimento Independente Mães de Maio, dentre outros

Fluxos em cadeia: as prisões em São Paulo na virada dos tempos, de Rafael Godoi

O que resta da ditadura: a exceção brasileira, organizado por Vladimir Safatle e Edson Teles

Ditadura: o que resta da transição, organizado por Milton Pinheiro

A rebeldia do precariado: trabalho e neoliberalismo no Sul global, de Ruy Braga

Crise e golpe, de Alysson Leandro Mascaro

Tempo comprado: a crise adiada do capitalismo democrático, de Wolfgang Streeck

Gênero e desigualdades: limites da democracia no Brasil, de Flávia Biroli

Feminismo e política: uma introdução, de Flávia Biroli e Luis Felipe Miguel

Margem esquerda #31 – dossiê “A crise brasileira: determinações e perspectivas” [em breve]

Para falar de política com crianças

A democracia pode ser assim, de Equipo Plantel e Maria Pina

A ditadura é assim, de Equipo Plantel e Mikel Casal

As mulheres e os homens, de Equipo Plantel e Luci Gutiérrez

O que são classes sociais?, de Equipo Plantel e Joan Negrescolor

Mundo cruel, de Wonder Ponder

O rio dos jacarés, de Gustavo Roldán

“O Capital” para crianças, de Joan Riera e Liliana Fortuny

O deus dinheiro, de Karl Marx e Maguma

Vem de Zap com a Boitempo!

Para os sedentos por conteúdo, a editora lança um serviço gratuito pelo WhatsApp com indicações diárias de vídeos e leituras especiais selecionados pela equipe da Boitempo. Só curadoria de primeira que você não encontra nos outros canais da editora!

Para receber, basta salvar o número da Boitempo (+55 11 99223-8282) em sua agenda de contatos do celular e enviar um alô com seu nome completo. As mensagens serão enviadas diariamente até o dia 28 de outubro, data do segundo turno.

%d blogueiros gostam disto: