Izaías Almada

1969: O presídio Tiradentes

12/01/2017 // 1 comentário

Por Izaías Almada / "Era dia de visitas no presídio Tiradentes. Desenhava-se, com a transparência de um claro dia de primavera, o estado de espírito de cada um daqueles homens e mulheres encarcerados e que haviam decidido pegar em armas para combater a ditadura civil e militar." [...]

1943

08/12/2016 // 1 comentário

Por Izaías Almada / "O enterro do irmão era, sem dúvida, a recordação mais antiga de Pedro. Quanta vez já tentara buscar na memória a lembrança mais remota da infância. Esbarrava sempre na mesma: o enterro do seu único irmão, natimorto. O pequeno filme dessa memória – quase uma fotografia – fixara em Pedro um momento forte e naturalmente inesquecível." [...]

O amigo português

10/11/2016 // 4 comentários

Por Izaías Almada. Ao publicar em meu último artigo para esse blog o trabalho escolar do meu filho Vinícius sobre “Che” Guevara, trabalho feito ainda adolescente no Instituto Espanhol de [...]

Um trabalho sobre ética

13/10/2016 // 7 comentários

Por Izaías Almada / "Na pesquisa que faço em paralelo à escrita das minhas memórias, surpreendi-me ao encontrar numa velha pasta cinza de papelão um trabalho escolar sobre ética, escrito por meu filho caçula, o Vinícius, em 1997, quando tinha quinze anos de idade e estudava no Instituto Espanhol de Lisboa, cidade onde vivemos alguns anos." [...]

Um salto no escuro

15/09/2016 // 1 comentário

Por Izaías Almada / "Sonhar era preciso. Pedro voltou ao Brasil após uma temporada de quase seis anos no exterior, entre 1990 e 1996, onde viveu em Lisboa, cidade que, em muitos aspectos, o iria marcar para o resto de sua vida." [...]

O aprendiz de guerrilheiro

18/08/2016 // 5 comentários

Por Izaías Almada / "O dever de todo o revolucionário é fazer a revolução. A frase de Guevara tinha, naqueles dias, 1967/68, o peso de um dogma religioso..." [...]

Interinidade

01/07/2016 // 5 comentários

Por Izaías Almada. Por vezes nunca é demais chover no molhado. Ou, para dar força a esses velhos anexins, digamos que: água mole em pedra dura, tanto bate até que fura. É o caso atual da nossa [...]

1954: adolescência, futebol e política

25/02/2016 // 3 comentários

Por Izaías Almada “O Getúlio morreu, o Getúlio morreu! O rádio acabou de anunciar! Vargas suicidou-se. Mataram o presidente! Vai haver uma revolta popular no Brasil. É coisa do Lacerda e do pessoal da Aeronáutica. A direita vai dar o golpe! No centro da cidade 'tá a maior confusão, já saiu até tiro”. [...]