Artigos por Boitempo

Atire a primeira pedra!

19/04/2017 // 4 comentários

Por Mauro Luis Iasi / O sangue ainda manchava a areia onde tinha ocorrido a execução. As pedras e o muro testemunhavam as marcas da violência e na Polis não se falava de outra coisa. 'Ela fizera por merecer', diziam os cidadãos, como que desculpando-se da ignomínia, 'a lei determina e nossos valores condenam, ela sabia.' Foi quando veio a notícia de que entre os que atiraram as pedras havia pelo menos seis cidadãos que praticaram o mesmo ignóbil ato." [...]

Politzer: por uma psicologia concreta

17/04/2017 // 3 comentários

Por José Paulo Netto / No Brasil, boa parte dos jovens brasileiros que, no final dos anos 1950 e na entrada dos anos 1960, se interessaram pelo marxismo conheceu Georges Politzer primeiramente como autor de um manual de filosofia e, depois, como um herói da Resistência Francesa. No entanto, há outras razões pelas quais ele deve ser lembrado hoje. [...]

A mentira e a pós-verdade

11/04/2017 // 6 comentários

Mauro Luis Iasi escreve sobre "pós-verdade" e ideologia no Brasil contemporâneo a partir do instrumental teórico do ensaísta marxista inglês Terry Eagleton. [...]

A obra-prima de Evguiéni Pachukanis | Por Alysson Mascaro

10/04/2017 // 2 comentários

Por Alysson Mascaro / "A partir da obra de Pachukanis, revela-se impossível apostar na transformação social por caminhos jurídicos ou estatais: a forma jurídica e a forma política estatal são elementos centrais do capitalismo. Exploração capitalista é direito e ordem estatal." [...]

Žižek: As “Teses de abril”, de Lenin

07/04/2017 // 1 comentário

No centenário da publicação das "Teses de abril" de Lenin, o Blog da Boitempo recupera um trecho do livro "Às portas da revolução: escritos de Lenin de 1917", uma antologia de textos históricos de Lenin selecionados, introduzidos e posfaciados por Slavoj Žižek, em que o filósofo esloveno comenta as lições que podemos tirar da ousadia do revolucionário russo naquele momento decisivo da história mundial. [...]