O mundo (das ideias) ferido

Nota oficial da Aliança Internacional dos Editores Independentes

Após o atentado desta quarta, dia 7 de janeiro de 2015, contra o semanário satírico francês Charlie Hebdo, os 400 editores da Aliança Internacional dos Editores Independentes oferecem suas mais profundas condolências aos amigos e familiares das vítimas.

Hoje, mais do que nunca, a solidariedade é essencial – pensamos nos jornalistas, cartunistas e editores de todo o mundo que arriscam suas vidas pela liberdade de expressão. Também esperamos que esses ataques não sirvam para alimentar mais islamofobia e xenofobia na Europa.

Continuaremos com determinação e convicção, como expressamos nas Declarações de Dakar (2003), Paris (2007) e Cidade do Cabo (2014), a trabalhar ao lado de jornalistas, autores e criadores na luta contra qualquer forma de supressão da palavra e a defender a igualdade de expressão para todos ao redor do mundo.

9 de Janeiro de 2015,
Os 400 editores independentes de 45 países do mundo,
membros da Aliança Internacional de Editores Independentes

***

Leia também, especiais para o Blog da Boitempo, Atentado contra a extrema esquerda na França, de João Alexandre Peschanski, Um ataque à imprensa e aos muçulmanos, por Gilberto MaringoniReflexão sobre a chacina de Paris, por Miguel Urbano Rodigues e editores de O diário.info.

1 comentário em O mundo (das ideias) ferido

  1. Republicou isso em xykosanto.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: