balanço

Mais Mano Brown: reflexões pós-eleições (parte 1)

01/11/2018 // 3 comentários

Por Juliana Borges / "O discurso de Mano Brown foi muito mal interpretado, principalmente pelos setores médios do progressismo. Mas o intelectual orgânico, forjado nas ruas do Capão Redondo, estava apenas alertando para como a barbárie havia se instaurado nas relações e no cotidiano das periferias e o quanto a falta de presença e de construção coletiva estava cegando a nossa defesa por princípios democráticos." [...]