Viva Lênin! 152 anos do revolucionário russo

Em homenagem aos 152 anos de Vladímir Lênin, fizemos uma seleção de conteúdos para quem quer conhecer e se aprofundar na vida e obra do revolucionário russo, além de descontos de até 40% e combo exclusivo entre 22 e 25 de abril!

Vladímir Ilitch Ulianov Lênin nasceu em 22 de abril de 1870 em Simbirsk, hoje Ulianovsk em sua homenagem. Foi o mais importante líder bolchevique e chefe de Estado soviético, mentor e executor da Revolução Russa de 1917, que inaugurou uma nova etapa da história universal. Em 1922 fundou, junto com os sovietes, a União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS), dirigindo-a até sua morte, em 1924. De acordo com o historiador britânico Eric Hobsbawn, Lênin teria sido o personagem de maior impacto individual na história do século XX.

Sua liderança inspirou os partidos comunistas em todo o mundo. Intelectual e estrategista dos mais consistentes, é autor de inúmeros artigos e livros que influenciaram a articulação do internacionalismo socialista e aprofundaram os estudos sobre o capitalismo, os efeitos do desenvolvimento desigual, o imperialismo e o Estado. Seus escritos evidenciam rara apreensão do momento histórico em que viveu.

Pela coleção Arsenal Lênin, a Boitempo já publicou O Estado e a revolução (2017), Cadernos filosóficos (2018), Democracia e luta de classes (2019), O que fazer? (2020) e Imperialismo, estágio superior do capitalismo (2021). Outros de seus textos podem ser encontrados em Marx pelos marxistas, As armas da crítica, Escritos de outubro e Manifesto Comunista/Teses de Abril, além da biografia intelectual do revolucionário escrita por Tamás Krausz, Reconstruindo Lênin.

Para comemorar os 152 anos do revolucionário russo, preparamos uma promoção com 30% de desconto em suas obras, textos e em sua biografia intelectual, além de um combo com 40% de desconto com todo o Arsenal Lênin, além de brindes, entre os dias 22 e 25 de abril!

“[O] legado político e teórico de Lênin, como variante histórica do marxismo, é único e irrepetível. Por um lado, trata-se de uma experiência e uma metodologia original de teoria e ação revolucionárias que desempenharam um papel colossal na história do século XX. As circunstâncias pelas quais, até hoje, Lênin permanece no centro de furiosas escaramuças políticas e teóricas que envolvem quase todas as tendências políticas e intelectuais, incluindo várias do próprio marxismo, demonstram isso.”
– Tamás Krausz, em Reconstruindo Lênin


Combo Arsenal Lênin, de R$291 por R$174,60

O combo Arsenal Lênin conta com os livros O que fazer?, O Estado e a revolução, Cadernos filosóficos, Democracia e luta de classes e Imperialismo, estágio superior do capitalismo, todos do revolucionário russo, acompanhado de livreto Lênin + 3 cartões Revolução Russa + 1 marcador Lênin!


Você conhece a coleção Arsenal Lênin da Boitempo?

Em 2017, no centenário da Revolução Russa, a Boitempo iniciou a publicação da coleção Arsenal Lênin, buscando superar a grande ausência editorial do revolucionário russo nos últimos anos. Inaugurada com a obra O estado e a revolução, a coleção revisita as principais obras do revolucionário bolchevique com novas e inéditas traduções, além de anexos e textos de apoio exclusivos ao leitor. Arsenal Lênin tem em seu conselho curador Antonio Carlos Mazzeo, Antonio Rago, Augusto Buonicore, Ivana Jinkings, Marcos Del Roio, Marly Vianna, Milton Pinheiro e Slavoj Žižek.

.

O Estado e a revolução
Escrito entre agosto e setembro de 1917, em meio às perseguições do governo provisório encabeçado por Aleksandr Keriénski, este livro é o mais relevante estudo sobre o caráter do Estado desde as obras de Karl Marx e Friedrich Engels. Para concluí-lo, Lênin desbravou página a página os escritos sobre o Estado dos fundadores do materialismo dialético, notadamente A origem da família, da propriedade privada e do Estado, de Engels, e A guerra civil na França, de Marx. O livro tem tradução de Paula Vaz de Almeida, apresentação de Marcos Del Roio, posfácio de Maria Angelica Borges, texto de orelha de Marly Vianna e quarta-capa de György Lukács, Wendy Goldman e Slavoj Žižek.

Cadernos filosóficos 
Cadernos filosóficos reúne um conjunto de textos que, embora pouco conhecido do grande público, é considerado fundamental para a trajetória teórico-prática dos intensos dez últimos anos de vida do líder soviético. Desafiadoras, essas anotações sobre obras e palestras de Hegel centradas na lógica, na dialética e na filosofia da história documentam um momento de transição no pensamento leniniano. O livro tem tradução de José Paulo Netto, com revisão de Paula Vaz de Almeida, introdução de Henri Lefebvre e Nobert Guterman, texto de orelha de Gianni Fresu, posfácio de Michael Löwy e quarta-capa de José Paulo Netto e C. R. L. James. 

.

Democracia e luta de classes
Seleção inédita de sete textos escritos por Vladímir Ilitch Lênin entre 1905 e 1919, cujo enfoque é a relação primordial entre o escopo das classes na sociedade e o conceito de democracia – elucidada, em síntese, na defesa da ditadura do proletariado. Nesse conjunto de textos, Lênin demonstra que é impossível dissociar a classe que está no poder do tipo de poder que ela exerce. O livro tem tradução de Paula Vaz de Almeida, texto de orelha de Fábio Palácio e quarta- capa de Luis Felipe Miguel e Slavoj Žižek.

O que fazer?
O que fazer? é a obra seminal da teoria política de partido do dirigente revolucionário russo. Publicado como brochura em 1902, o livro apresenta as linhas gerais do que seria chamado mais tarde de “partido leninista”, indicando as tarefas de organização necessárias ao desenvolvimento da revolução, bem como avaliando os equívocos das diferentes linhas de pensamento no interior do que até então era o campo da social-democracia. O livro tem tradução de Paula Vaz de Almeida, prefácio de Valério Arcary, texto de orelha de Virgínia Fontes e quarta-capa de Tamás Krausz e Atilio A. Borón.

.

Imperialismo, estágio superior do capitalismo
Escrita um ano antes da Revolução de Outubro e publicada no calor das jornadas revolucionárias de 1917, Imperialismo, estágio superior do capitalismo é considerada uma das obras mais importantes do líder bolchevique. Neste ensaio, Lênin deixa claro que o imperialismo, em evidência com a eclosão da Primeira Guerra Mundial, não era apenas uma prática política de determinados países capitalistas, mas a evolução do próprio sistema do capital, que atingia no início do século XX, com o capital financeiro e os monopólios, o seu estágio mais avançado. Ao confrontar-se com os novos desafios do capital no século XX, Lênin acrescenta um capítulo às análises de Marx e Engels, oferecendo um dos mais importantes armamentos teóricos para o proletariado diante do capital monopolista. O livro tem tradução de Paula Vaz de Almeida, prefácio de Marcelo Fernandes, texto de orelha de Edmilson Costa e quarta-capa de György Lukács, István Mészáros e João Quartim de Moraes.

Acesse  aqui  o guia de leitura de Imperialismo, estágio superior do capitalismo, livro 11 do Armas da crítica, o clube do livro da Boitempo.

Manifesto Comunista/Teses de Abril, de Karl Marx, Friedrich Engels, Vladímir Lênin
A Revolução Russa de 1917 transformou o Manifesto Comunista no texto fundamental para socialistas em todo o mundo. Este volume coloca a obra mais famosa de Marx e Engels ao lado de outro texto clássico, Teses de abril, o manifesto revolucionário de Lênin que eleva a política a uma forma de arte. Essa edição comemorativa apresenta ainda textos introdutórios de Tariq Ali, contextualizando o período em que o Manifesto foi redigido – às vésperas das revoluções de 1848 – e traçando sua influência sobre as Teses de abril, texto que por sua vez daria novo fôlego ao Manifesto Comunista.


Quem foi Lênin?
A historiadora Marly Vianna, que faz parte do conselho curador do Arsenal Lênin, comenta alguns aspectos centrais da obra de Vladímir Lênin em homenagem aos 152 anos do revolucionário. A concepção de partido político, a consciência de classe, o método dialético, a revolução e a teoria do imperialismo daquele que melhor unificou teoria e ação revolucionária são destrinchadas neste vídeo.


A biografia intelectual de Lênin
Valerio Arcary recomenda Reconstruindo Lênin, livro do húngaro Tamás Krausz. Esse projeto de investigação marxista original, que levou quatro décadas para ser escrito, apresenta Lênin a partir de uma perspectiva crítica, contemplando a vida do revolucionário russo em conexão com sua obra teórica em toda sua complexidade. Um livro que já nasceu como referência fundamental para a compreensão de Lênin.


O pensamento de Lênin
Quer entender as bases do pensamento do líder revolucionário? Tariq Ali falou sobre o pensamento teórico de Lênin no Seminário “1917: o ano que abalou o mundo”, com comentários de Virgínia Fontes e Marly Vianna.


O marxismo de Lênin
Quer entender melhor como o líder revolucionário compreendeu o marxismo? Marly Vianna apresenta o marxismo de Lênin no curso sobre os marxismos do século XX.


A teoria da revolução de Lênin
Quer entender a teoria da revolução de uma das figuras clássicas do pensamento crítico revolucionário? Essa aula, ministrada por Augusto Buonicore, discute a teoria da revolução em Vladímir Lênin.


A atualidade de Lênin
Quer entender porque ler Lênin ainda é importante? Marly Vianna fala sobre a importância de se recuperar o pensamento e a obra teórica de Vladímir Lênin e comenta a atualidade do livro O Estado e a revolução.


Leia no Blog da Boitempo:
Lênin e a crítica demolidora ao revisionismo, por Edmilson Costa
Lênin continua insuperável, por Virgínia Fontes
Lênin, o Estado e a revolução, por Daniel Bensaïd
A filosofia revolucionária de Lênin, por Gianni Fresu
Lênin e a teoria do Estado proletário, por Marly Vianna
Lênin e a imprensa revolucionária, por Dênis de Moraes
Engels e Lênin na América Latina ontem e hoje, por Marcos Del Roio
Lênin e Che Guevara, por Luiz Bernardo Pericás

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: