destaque

A tragédia depois da tragédia do incêndio no Largo do Paissandu: uma ferida aberta na cidade

02/05/2018 // 7 comentários

Por Isabela Oliveira Pereira da Silva / "Os sobreviventes estavam do lado de fora da grade. Esta frase não sai da minha mente. Não sei por quantos dias essa frase irá ecoar e junto dela a imagem das mães totalmente ao relento e sem nenhuma proteção aguardando o resgate de seus filhos do lado de fora. Grades de metal separam a polícia militar do lado de fora com as famílias sobreviventes e, do lado de dentro, aquilo que chamamos de poder público, incluindo saúde e proteção social." [...]

A regra do jogo

24/04/2018 // 24 comentários

Por Christian Dunker / "O pior aspecto da prisão de Lula é que ela simboliza a derrota de um projeto e a extinção de uma perspectiva de Brasil. Abole-se também a ideia de que é possível partilhar modos de exercer o poder e de o alternar. Sai vitoriosa uma concepção arcaica de poder." [...]

2018 é o ANO MARX!

19/04/2018 // 8 comentários

Festa de aniversário, ciclos de debates, lançamentos, vídeos e promoções... essas são algumas das atividades que a Boitempo está preparando para marcar o ano do bicentenário de Marx! [...]

Quem Marielle Franco representa?

21/03/2018 // 4 comentários

Por Luis Felipe Miguel / "Marielle vinha das comunidades pobres e dedicava a elas o melhor de suas forças. Seu mandato, embora conquistado com muitos votos da Zona Sul, era voltado para a favela e com ela mantinha interlocução densa e permanente. É por isso, também, que sua morte representa um revés tão sério para a luta popular, no Rio e no Brasil." [...]

Marielle, uma voz

15/03/2018 // 10 comentários

Por Mauro Iasi / "A voz tem um nome, Marielle. E Marielle foi morta outra vez. Mas esta morte tem um nome, porque carregava muitas vozes, porque nunca estava sozinha nunca será esquecida, porque através dela é que lembramos dos esquecidos. Seu nome é Marielle, seu nome é mulher, seu nome é negra, seu nome é justiça, seu nome é luta, seu nome é socialista, seu nome é Marielle." [...]