brasil

O maior imperativo de nosso tempo!

10/07/2020 // 2 comentários

A edição do livro "Coronavírus: o trabalho sob fogo cruzado", de Ricardo Antunes, lança um olhar lúcido e realista sobre a tragédia dos e das trabalhadoras antes, durante e depois da pandemia da covid-19. [...]

O genocídio como atividade essencial do Estado

15/06/2020 // 2 comentários

Táilson Vasques / "é necessário encerrar as décadas de divórcio entre a esquerda, sua intelectualidade e os interesses concretos do povo. Essa tarefa, num contexto de circulação global de ideias e conhecimentos, envolve não só uma renovação do marxismo brasileiro, mas de toda teoria crítica ocidental que se encontra ainda desconectada da sua razão de existir e absorvida pela farsa do fim da história iniciada a partir da vitória da democracia liberal burguesa sobre as experiências socialistas no final do século XX." [...]

Marighella: ecos do chamamento

09/03/2020 // 1 comentário

Por Felipe Catalani / "Sem querer abusar de metáforas acústicas, pode-se dizer que na caixa de ressonância histórica do presente brasileiro é possível escutar ecos do chamamento de Carlos Marighella." [...]

As memórias revolucionárias de Anita Prestes

14/01/2020 // 1 comentário

Por Anita Leocadia Prestes / "Este é um livro de memórias de uma mulher que nasceu em uma prisão nazista, perdeu sua mãe assassinada em um campo de concentração sob a anuência do governo de Getúlio Vargas e foi salva pelas mulheres de sua família." [...]

Quem é a classe trabalhadora brasileira?

03/12/2019 // 2 comentários

Sofia Manzano / "A construção da ideia de mercado de trabalho no Brasil ainda se afirma como um instrumento de classe da ordem do capital que tergiversa sobre a exata definição da classe trabalhadora brasileira." [...]

Em tempos de resistência, um livro urgente e indispensável

19/12/2018 // 1 comentário

Por Lena Lavinas / "Em tempos de resistência, quando a crítica tende à indulgência ou à inexorabilidade dos tropeços por força dos vícios inerentes às democracias neoliberais, Saad Filho e Morais nos desafiam a enfrentar o passado sem reservas e a mirar o futuro com a audácia que a busca por mudanças estruturais exige. Por isso mesmo, a leitura de "Brasil: neoliberalismo versus democracia" é fecunda, urgente e indispensável." [...]