A arte de China Miéville

Conheça um pouco dos bastidores do processo criativo de Fabio Cobiaco, artista gráfico responsável pelas capas de China Miéville

Acaba de chegar às prateleiras brasileiras o aguardado Estação Perdido, obra prima do escritor China Miéville, um dos nomes mais criativos da nova esquerda britânica.

Assim como no último livro do China que a Boitempo publicou (o premiado A cidade & a cidade), convidamos o artista gráfico Fabio Cobiaco para desenvolver a ilustração de capa da edição Brasileira de Estação Perdido. Neste post, preparamos uma série de fotos que documenta diferentes etapas do processo criativo dele antes de elaborar a arte final.

cobiaco

Auto-retrato de Fabio Cobiaco

Pra saber mais um pouco sobre o Cobiaco, vale a pena clicar aqui e conferir a entrevista que ele concedeu ao portal Maxiverso sobre o China Miéville e o Estação Perdido.

Estação Perdido arte cobiacochinacobiaco_esboco1foto1777foto1792foto1794foto1795foto1803foto1798foto1801foto1805Perdido.indd

1 comentário em A arte de China Miéville

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: